Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

PM aplica mata-leão em pipoqueiro no Tatuapé

Em mais um caso isolado de truculência, PMs utilizaram o golpe, proibido desde 2020, contra pipoqueiro e spray de pimenta contra população
O mata-leão é proibido pela PM de São Paulo desde 2020
O mata-leão é proibido pela PM de São Paulo desde 2020 - Foto: Reprodução

Em mais um caso isolado de violência desmedida durante abordagens policiais, um pipoqueiro foi vítima de uma “chave cervical”, golpe popularmente conhecido como mata-leão, no bairro do Tatuapé, zona Leste da capital. O caso ocorreu na tarde de terça-feira (4), mas as imagens têm circulado nas redes sociais na manhã desta quarta-feira (5).

No vídeo aparece o ambulante sendo imobilizado por um policial militar, enquanto o outro tentava controlar a população que se aglomerou ao redor para questionar a truculência. Para isso, ele utilizou um spray de pimenta.

O mata-leão, golpe de jiu-jitsu que utiliza do enforcamento como forma de imobilização, é proibido pela PM de São Paulo desde 2020. Num segundo vídeo, o agente “lutador” aparece com o joelho em cima do pescoço do – já imobilizado – pipoqueiro.

Em nota enviada ao portal G1, a Polícia Militar disse que “analisa as imagens da ação e ressalta que a corregedoria está à disposição para oficializar e apurar todas as denúncias, e que as medidas legais serão adotadas”.

Confira os vídeos na postagem abaixo:

Compartilhe com Todos!
Facebook
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fique Informado!

Siga a Gazeta